15 de novembro de 2014

O que vem a ser o desespero?



O que faço para me sentir bem?
Esta tristeza é desesperadora
E o que vem a ser o desespero
quando toda a inspiração já se fora?

O que faço com a criatividade?
Que só aparece em hora repentina.
Se demoro a usá-la, vai embora
E tudo o que faço é ruína

Como todo texto reflete o autor
Creio que aí esteja a explicação,
Essas palavras confusas descrevem
O péssimo estado do meu coração.


- Katarine Norbertino

P.S.: Não fumem.

3 comentários:

  1. Ficou um amorzinho mdds...
    Eu tipo achei lindo.
    Queria ter talento pra essas coisas :3
    Beijos
    P.S: Aceita afiliação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou a garota dos poemas mais divos que já vi... Onw' e fico super hiper mega ultra fleiz em me afiliar

      Já te coloquei :3

      Excluir
  2. Aah esqueci de deixar o link...
    http://lembranca-ao-vento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog