4 de julho de 2013

Resenha: Meu nome não é Jhonny


O livro, "Meu nome não é Jhonny" escrito pelo jornalista Guilherme Fiuza, conta a história real de vida de João Guilherme Estrella.

Sinopse:
João Guilherme Estrella era um típico jovem da classe média, que viveu intensamente sua juventude. Inteligente e carismático, adorado pelos pais e popular entre os amigos, João tinha tudo, menos limites. Com espírito a ventureiro e boêmio, mergulhou em todas as loucuras permitidas. E também nas não permitidas...


No início dos anos 1990 se tornou o rei do tráfico de drogas da zona sul do Rio de Janeiro. Investigado pela Polícia Federal, foi preso e seu nome chegou às páginas dos jornais. Em vez de festas, passou a frequentar o banco dos réus e as selas dominadas por facções criminosas. E ficou dois anos em um manicômio judiciário, cercado por detentos de alta periculosidade.


Eu gostei bastante deste livro porque ele tirou da cabeça a minha opinião sobre antes de eu ler. Alguém entendeu? Não né. O que eu quis dizer é que eu achava que (pelo que eu li na sinopse) era apenas contando como era o "reino" dele como traficante e como ficou depois que ele foi preso. Mas eu encontrei mais que isso, consegui "sentir" as emoções do livro e tals... Este livro é meio pesado, tem alguns palavrões e etc, por isso não indico à quem esteja acostumado com leitura leve. O livro tenta passar uma lição de vida e consegue passar até um pouco mais. Também é meio confuso porque algumas vezes do nada ele (o protagonista) começa a lembrar do passado e aê parece que a história já mudou de rumo, mas depois tudo volta ao normal e você fica tipo "WTF?".


Teve algumas frases do livro que me chamaram a atenção, porque estas frases conseguem tirar aquilo de "história de um traficante que foi preso" e conseguem até encaixar romances, amizades, loucuras, tristeza, solidão, entre outros.

Citações:
Talvez o futuro o quisesse ao lado dela, ou talvez ele desejasse que assim o futuro quisesse.

O pensamento virou sonho, o sonho se desfez no torpor do sono, que se desmanchou dolorosamente com o som estridente do despertador.

A energia reativa com que se fustigavam, desde que se conheceram, só não era superior à força atrativa que os magnetizava. Em outras palavras, ali começava um casamento.

AH! E também já tem o filme, que é brasileiro. E o João Guilherme é interpretado por Selton Mello (meu ator nacional favorito).

O que acharam? Teriam coragem de ler?? Haha'
8eijos Kate

14 comentários:

  1. Não vi nem o filme....

    Seguindo seu blog, segue de volta?
    www.cupcaketaste.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm não vi o filme.
      Visitarei seu blog!
      Obg ^^

      Excluir
  2. nossa, nem sabia que tinha livro, pq só o filme, adoro esse ator, e a propósito Kanrine, ja mandei um convite pra vc participar do blog, e um email, contendo as informações necessárias, e sobre os dias que vc postará,caso tenha algum problema com eles, pode falar comigo e agente resolve!
    http://acervo-de-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tu leste o email que lhe mandei??

      Excluir
    2. Li sim e acabei de responder!! :)
      Mais uma vez, obrigada ^^

      Excluir
  3. só sabia do filme, n sabia do livro! bom, nao faz mt meu estilo pq gosto de leituras leves, hehehe
    beijinhos
    www.portefeminino.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :)) Pois é, nem eu sabia do livro, mas quando soube fiquei bastante curiosidade.. ^^

      Excluir
  4. O livro parece ser bom, um tanto quanto sincero. Também notei que as frases que você destacou são ótimas! O filme eu nunca assisti, também, mas já ouvi falar bastante!

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é um ótimo livro! Até me surpreendi com as frases (elas não tem a cara do livro). =D

      Excluir
  5. Até hoje não assisti o filme e nem sabia que tinha livro.

    PARTICIPE DOS MEUS SORTEIOS: http://rockcomluxo.blogspot.com.br/p/sorteios.html

    ResponderExcluir
  6. Nossa, preciso ler *ooo*
    Só tinha visto o filme, n sabia que tinha o livro acredita? me sinto frustrada O:

    http://nossoblogsecreto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog